domingo, 10 de maio de 2009

God save the Gypsies














Esquema de Seis funcionários do Ministério Público de Águeda que, durante seis meses desviaram material contrafeito que era apreendido em acções de fiscalização, foi desfeito.
CD's, DVD's, roupa e calçado, o típico material vendido nas "feiras", era levado por estas pessoas para casa.

Isto é do piorio. Ja se viu? Apropiarem-se de material proveniente de gente digna, trabalhadora, honesta, socialmente integrada e pouca dada a conflitos? Estou a referir-me aos Gypsies como é óbvio. Gente que não chateia ninguem, que moram no seu cantinho, digamos, na sua tendinha, e que ganham a vida honestamente, trabalhando arduamente e estudando a melhor maneira de conseguirem mais um ordenado mínimo? Acham isto bem? Acham bem apreenderem o material que os gypsies produzem nas suas fábricas ao ar livre de roubo intimidatório?

Bem, espero que a estes seis funcinários, que oferiam de salários milionários, como todos os funcionários públicos, quando digo milionários digo para cima de 450€, cumpram uma pena exemplar e que deixem de uma vez por todas os Gypsies em paz pois eles não fazem mal a ninguem.

Temos é de começar a descontar mais cedo e trabalhar até aos 75 anos, para 70% dos Gypsies poderem oferir do ordenado mínimo. Sendo este o único contra que encontrei na honesta existência dos ditos cujos, até é aceitável.

Atenciosamente,
para todos aqueles que roubam e maltratam portugueses.

4 comentários:

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

Claramente com ideologias de um nível exemplar.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

Racismo lógico.